Autorizado concurso para 583 vagas no Inca

AFINCA • 22 de janeiro de 2014

O Instituto Nacional do Câncer (Inca), no Rio de Janeiro, foi autorizado nesta quarta-feira, dia 22, a realizar concurso para provimento de 583 vagas, o mesmo quantitativo solicitado pelo órgão. MinC-abre-concurso-público-para-o-preenchimento-de-83-vagas-de-nível-superior.1De acordo com a portaria autorizativa do Ministério do Planejamento, que pode ser consultada no anexo abaixo, a distribuição das oportunidades pelos cargos foi feita da seguinte maneira: no nível médio/técnico, são 174 vagas para técnico em ciência e tecnologia, e 32 para assistente em ciência e tecnologia. E no superior, são 25 para pesquisador, 276 para tecnologista júnior e 76 para analista em ciência e tecnologia. O concurso visa a substituição de terceirizados pela Fundação Ary Frauzino.

Os rendimentos iniciais para técnico e assistente são de R$2.702,11, mas podem chegar a R$3.154,11 para quem tem especialização, R$3.583,11 para mestrado e R$4.464,11 para doutorado. Já nos cargos de nível superior, tecnologistas e analistas terão vencimentos iniciais de R$4.908,53. No entanto, para quem tem especialização, o valor passa para R$5.730,53; R$6.509,53 para quem tem mestrado; e R$8.107,53 para quem tem doutorado. E para pesquisador, o valor é de R$7.905,74. Contudo, para quem tiver doutorado, os ganhos passam para R$9.283,15. A Portaria que autorizou o concurso estipula um prazo de seis meses para a publicação do edital, ou seja, até 22 de julho deste ano. Todavia, devido ao ano eleitoral, a divulgação deverá ocorrer de forma antecipada, para que o processo seletivo seja homologado até 5 de julho, e o órgão possa nomear os aprovados da seleção ainda este ano.

Inca – Autorização