Senado aprova projeto que suspende pagamento de empréstimo consignado durante a pandemia

AFINCA • 19 de junho de 2020

Em sessão remota nesta quinta-feira (18), o Plenário do Senado aprovou o projeto que suspende por 120 dias o pagamento de parcelas de contrato de crédito consignado (PL 1.328/2020). A medida alcança quem recebe benefícios previdenciários, além de servidores e empregados públicos e do setor privado, ativos e inativos. Do senador Otto Alencar (PSD-BA), o projeto foi relatado pelo senador Oriovisto Guimarães (Podemos-PR) e segue agora para a análise da Câmara dos Deputados.

Conforme o texto aprovado, as prestações suspensas serão convertidas em prestações extras, com vencimentos em meses subsequentes à data de vencimento da última prestação prevista para o financiamento. As prestações suspensas não poderão ser acrescidas de multa, juros de mora, honorários advocatícios ou de quaisquer outras cláusulas penais. Também fica vedada a inscrição em cadastros de inadimplentes ou a busca e apreensão de veículos financiados, devido à suspensão das parcelas….

Veja na íntegra

Fonte: Agência Senado

Para especialistas, governo pode manter auxílio emergencial à população sem precisar cortar salário de servidor

AFINCA * 16 de junho de 2020

Economistas e auditores fiscais afirmam que o governo federal tem condições financeiras de prorrogar o auxílio emergencial para a população durante a pandemia de Covid-19 sem cortar salários e direitos dos servidores públicos.
Bráulio Cerqueira, economista e auditor federal de finanças e controle, diz que além de o governo ter verba para arcar com a prorrogação do auxílio emergencial para atender trabalhadores mais vulneráveis, sacrificar ainda mais o servidor público vai na contramão do que a atividade econômica necessita no momento.
“Em um trimestre, o custo estimado da renda emergencial é de R$ 152,6 bilhões. Em contraste, o caixa do governo federal em abril dispunha de R$ 1,2 trilhão”, afirma ele.

Sem toma lá da cá

Em Brasília, a possível prorrogação do auxílio emergencial tem sido ligada a redução do valor, que passaria para R$ 300, ou a mais cortes no funcionalismo público. Entre os economistas que dizem não ser necessário nem redução no valor do auxílio nem corte em salário de servidor está Débora Freira, mestra e doutora em Desenvolvimento Econômico pela Unicamp. Segunda ela, “todos ganham com o auxílio emergencial. Desde família de baixa renda até as de mais alta, que se beneficiam indiretamente do aquecimento da economia; além do próprio governo, que tem parte do valor do auxílio retornado em impostos”.

Reforma tributária necessária

Para Bráulio Cerqueira, não é o corte de salários de servidores que irá promover justiça distributiva; mas sim uma reforma tributária solidária, que desloque a tributação do consumo dos mais pobres para a renda e riqueza dos mais ricos.
Servidores já foram sacrificados com a reforma da Previdência, que aumentou em até 22% a cobrança de alíquotas; e com o PLP 39/20, que congela não apenas salários, mas uma série de direitos adquiridos de milhões nas esferas federal, estadual e municipal. Enquanto isso grandes empresários devem bilhões em impostos. (Com agências)

Nota de Falecimento

AFINCA • 13 de junho de 2020


A AFINCA lamenta informar o falecimento da associada e ex-diretora da AFINCA, Eliane Barbosa Esteves, que trabalhava na Pesquisa do HC1. A AFINCA se solidariza com amigos e familiares.

Nota de Falecimento: Marcia da Costa Gonçalves

AFINCA • 7 de junho de 2020

A AFINCA lamenta informar o falecimento da associada MARCIA DA COSTA GONCALVES, técnica de enfermagem da unidade INCA 2, a AFINCA se solidariza com amigos e familiares.

AFINCA solicita e COGEP encaminhará pedido de pagamento de insalubridade em 20% para funcionários em combate direto à Covid-19

AFINCA * 03 de junho de 2020

A AFINCA solicitou nesta terça-feira (2/6) o pagamento de insalubridade no grau máximo (20%) para os funcionários que lidam diretamente com pacientes de COVID-19. A solicitação foi feita via ofício durante a 13ª reunião do Gabinete de Crise Sanitária, do qual a AFINCA faz parte.
Tanto a Direção Geral quanto a Coordenação de Gestão de Pessoas (COGEP) se mostraram favoráveis ao pedido. A Direção Geral, por intermédio da COGEP, encaminhará o ofício da AFINCA, juntamente com um parecer técnico elaborado pela Divisão de Saúde do Trabalhador (DISAT), ao Ministério da Saúde, para que este mediante autorização do Ministério da Economia libere o pagamento do adicional.
Reiterando o compromisso de representar os associados, a AFINCA acompanhará de perto o encaminhamento deste processo junto à COGEP e nas reuniões do Gabinete de Crise.
Lembramos que nossos canais de atendimento (telefones, site e Facebook) continuam em funcionamento para atender todos os associados.

DISAT oferece atendimento médico para Covid-19 por telefone ou online

AFINCA * 28 de maio de 2020

Além dos servidores, a Divisão de Saúde do Trabalhador (DISAT) do INCA, através de sua equipe multidisciplinar, está atendendo terceirizados, bolsistas, residentes, todos e quaisquer trabalhadores vinculados ao INCA, independente do tipo de vínculo, durante a pandemia de Covid-19.
Abaixo, compartilhamos nossos contatos e canais. Além deles, disponibilizamos uma rede externa de atendimento, caso prefira procurar a rede diretamente. Estamos com nossos canais abertos para recebermos e apoiarmos trabalhadores de uma forma geral nesse momento tão difícil para todos.
Há duas formas de entrar em contato com a equipe Multi disciplinar: pelos ramais ou pelo email. Importante registrar que, caso as profissionais estejam em atendimento e não possam atender as ligações, os ramais não registram a origem da chamada, não sendo possível o retorno .Por isso, a forma de contato mais eficaz é pelo email, embora os ramais também estejam disponíveis. As equipes pedem que enviem nome e telefone quando enviarem e-mails.

*Psicologia ramais 5874 ou 5859 disat.coronavirus@inca.gov.br@inca.gov.br com o assunto “Acolhimento Psicologia”

  • Serviço social pelo ramal 5835 ou pelo email disat.coronavirus@inca.gov.br com o assunto “Acolhimento Serviço Social”
  • Fisioterapia pelo ramal 5839 ou pelo e-mail disat.coronavirus@inca.gov.br com o assunto “Orientações de Fisioterapia

Rede Externa

Rede de Apoio Médico e Psicológico:
Missão Covid: https://missaocovid.com.br) (contatos pelo site)
Atendimento médico, gratuito, do Covid-19 sem sair de casa (Tele-atendimento)
Sociedade de Psicanálise da Cidade do Rio de Janeiro (SPCRJ) Tel: (21) 99169-9923 – (contatos pelo telefone)

Exclusivo para Profissionais de Saúde
Apoio terapêutico, online, gratuito, com psicanalistas da Sociedade de Psicanálise da Cidade do Rio de Janeiro
SPRJ Solidária – Tel: (21) 3594-7828
Contato por mensagem direta: Instagram@sociedade_psicanalitica_do_rj
Facebook: Sociedade Psicanalítica do Rio de Janeiro
Atendimentos em português, inglês, espanhol, francês e italiano

Círculo Psicanalítico do Rio de Janeiro (CPRJ)
www.cprj.com.br (contatos pelo site)
Apoio terapêutico, online, gratuito, com psicanalistas do Círculo Psicanalítico do Rio de Janeiro.

Sociedade Brasileira de Psicologia Analítica (SBPA-RJ)
E-mail: clinicasocial.sbpa@gmail.com
Whatsapp: (21) 988359349
Atendimentos online e gratuitos em Psicologia – prioritário para equipe de auxiliares, técnicos em enfermagem, equipe de manutenção e limpeza, que trabalham em hospitais durante a pandemia de Covid 19.

Secretaria de Estado de Vitimados (Sevit)
Tel/Whatsapp: (021) 99408-3287
Atendimento psicológico, gratuito, para idosos (com problemas no isolamento) e grupo de risco (por telefone ou vídeochamada pelo whatsapp)

Rede de Apoio Psicológico
www.rededeapoiopsicologico.org.br (contatos pelo site)
Exclusivo para Profissionais de Saúde
Atendimento psicológico, online, gratuito, com psicólogos voluntários cadastrados.

PSIS online
www.psisonline.com.br (contatos pelo site)
Exclusivo para Profissionais de Saúde
Atendimento psicológico, online, gratuito, com psicólogos voluntários cadastrados.

Instituto Nebulosa Marginal:
Grupo de psicólogos clínicos e psicanalistas voluntários que oferecem atendimento gratuito online:
1) César Augusto Lara Chaves – Tel: (31) 98813-5937
2) Cristiane de Almeida Souza – Tel: (21) 99974-4973
3) Fernanda Memere Riski – Tel: (21) 98875-2806
4) Karinna Bessa – Tel: (21) 98581-0595
5) Paola Santos – Tel: (21) 97922-9566

Projeto Acolhimento Covid-19 a Casais e Famílias:
Tel/Whatsapp: (21) 97259-0295)
Apoio emocional online e gratuito para casais e famílias, realizado por terapeutas de família voluntários que participam do atendimento social da Associação de Terapia de Família do Rio de Janeiro (ATF-RJ).