DIA DO FONOAUDIÓLOGO

O Decreto de Lei nº 6.965, de 9 de dezembro de 1981, regulamenta a profissão de Fonoaudiologia, no Brasil e serve como uma importante homenagem a estes profissionais.

Nesta data, podemos celebrar os profissionais que se dedicam a conhecer e ajudar a resolver diversos distúrbios da voz,  da fala e da escrita, trabalhando estes aspectos essenciais da comunicação, além de outras funções: deglutição, respiração e mastigação.

Segundo o Conselho Regional de Fonoaudiología existem 12 as especialidades de fonoaudiologia:

• Audiologia;

• Disfagia;

• Fluência;

• Linguagem;

• Motricidade orofacial;

• Fonoaudiologia escolar/educacional;

• Gerontologia;

• Fonoaudiologia neurofuncional;

• Fonoaudiologia do trabalho;

• Saúde coletiva;

• Voz;

• Neuropsicologia.

Além de ajudar o público em geral, os fonoaudiólogos acabam auxiliando também profissionais da área da comunicação, assim como: artistas, locutores e demais pessoas preocupadas em ter uma boa dicção.

Pessoas de todas as idades podem procurar um fonoaudiólogo e as motivações mais comuns para esta busca são:

1. Atrasos no desenvolvimento da fala: crianças com 2 anos em diante que ainda não falam

2. Problemas na voz: dificuldades para a produção da voz

3. Problemas de sucção: no aleitamento materno, o fonoaudiólogo pode auxiliar a mãe no posicionamento do bebê e na pega do seio materno.

4. Problemas com deglutição: dificuldade de engolir

5. Gagueira

Parabéns a todos aqueles que se preocupam em estudar e ajudar a resolver e facilitar a comunicação humana!

Junte-se à Afinca em busca de novas conquistas e em defesa dos direitos dos funcionários do Instituto Nacional de Câncer.

Associe-se!

Siga-nos em nossas redes sociais:

Instagram: afinca_oficial

Facebook: afincaoficial

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

AFINCA
“O legado que desejamos deixar é que a Associação seja, além de um espaço de luta pelos direitos dos servidores, também o local onde se possa acolher suas principais necessidades e de suas famílias.”
Dr. Edio Jurarez de Andrada Pereira
Sócio fundador

Passo a passo no site gov.br

Descrever aqui o passo a passo